Canova, Hayez e Cicognara

La musa Polimnia (1812-1817) – Antonio Canova

.

.

Ontem, fui ver a exibição da mostra “Canova, Hayez e Cicognara – L’ultima gloria di Venezia”

.

.

Dentre tantas histórias de percurso expositivo, essa foi a que mais me encantou. Quando entrei na sala, ela estava lá, majestosa!!! 😱😱😱 fiquei encantada. Esperei quando um visitante que estava filmando minuciosamente. E encontrei eu, ela e o guarda sala.

E é óbvio, que a sua história é mais empolgante. Em 1898, quando morre a rainha Elisabeth von Bayern (Isabel da Áustria), essa obra vai para a neta Isabel Maria da Áustria. Em 1943, vai para as mãos de Adolf Hitler depois de 2 anos de negociações e por um valor esorbitante. Em 1945, foi encontrada pelos americanos e foi levada para Munique (Alemanha). E somente 1958, retornou em solo austríaco. E hoje, está em Veneza para o bicentenário da abertura da Galleria dell’Accademia de Veneza. Estará aqui até o dia 2/4. Portanto, se você estiver vindo para Veneza e gosta de #canova , vale muito a pena!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s